Bulldog Racing concluiu Rally Cuesta Off-Road na terceira posição








11º Rally Cuesta Off-Road aconteceu neste último final de semana, em Botucatu (Doni Castilho/DFOTOS)
11º Rally Cuesta Off-Road aconteceu neste último final de semana, em Botucatu
(Doni Castilho/DFOTOS)

Os competidores percorreram no total 329,32 quilômetros entre sábado e domingo  (Gustavo Epifanio/DFOTOS)
Os competidores percorreram no total 329,32 quilômetros entre sábado e domingo
(Gustavo Epifanio/DFOTOS)


Flávio Lunardi e Fred Budtikevits subiram no pódio pela categoria Pró Brasil  (Gustavo Epifanio/DFOTOS)
Flávio Lunardi e Fred Budtikevits subiram no pódio pela categoria Pró Brasil
(Gustavo Epifanio/DFOTOS)

Foram dois dias encarando um terreno molhado e com muitos desafios. Apesar dos problemas mecânicos que enfrentou, a equipe Bulldog Racing subiu ao pódio da categoria Pró Brasil
O piloto Flávio Lunardi e o navegador Fred Budtikevits superaram seus limites no 11º Rally Cuesta Off-Road, que contabilizou pontos para as 5ª e 6ª etapas dos Campeonatos Brasileiro de Rally Cross Country e Rally Baja. A competição aconteceu em Botucatu, SP, neste último final de semana (06 e 07 de maio), com parque de apoio no Shopping Botucatu.

No total, foram percorridos 329,32 quilômetros - sendo 164,66 quilômetros por dia. E a dupla da Bulldog Racing conquistou o terceiro lugar na classificação final da categoria Pró Brasil e sétimo lugar na Geral. O grid foi composto por 90 veículos entre motos, quadriciclos, UTVs e carros.

Lunardi contou que problemas na direção hidráulica da Mitsubishi Triton RS tornaram a vida da dupla bem mais complicada durante a disputa. "Pilotar um carro sem direção hidráulica exige um esforço extra do piloto. Em alta velocidade, é praticamente impossível entrar nas curvas da mesma forma quando o veículo está em perfeitas condições. Mas ainda sim conseguimos nos concentrar e concluir a disputa", contou o piloto que, apesar deste acaso, elogiou bastante a performance da picape, a qual a dupla está em fase de adaptação. "Foi nosso segundo rali com a Triton e estamos satisfeitos e entusiasmados com a performance dela. Nosso foco está no Rally dos Sertões, o segundo maior rali de mundo", completou.

Como não choveu mais em Botucatu, o percurso deste domingo melhorou em relação ao primeiro dia de prova. Estava mais seco, porém, não menos técnico. Independente das situações paralelas e particulares que cada competidor enfrentou ao longo do certame, para quem sonhava com o pódio foi preciso sobrepor em alta velocidade as erosões, pedras, travessias de riachos, subidas e descidas, lombadas e curvas pelas estradas em meio a eucaliptais e estradas vicinais da Serra da Cuesta.

"Tirando os nossos contratempos, o Rally Cuesta Off-Road foi sensacional. É sempre um evento desafiador que temos no rali cross-country, e colabora demais para o nosso crescimento no esporte. Tivemos a chance de aprimorar nossa técnica, vivemos novas experiência e saímos uma dupla melhor desta competição. Agora, é continuar a nossa preparação para o tão esperado rali do ano, o Rally dos Sertões", concluiu Budtikevits. O Rally dos Sertões será de 19 a 26 de agosto, e a Bulldog Racing já garantiu um lugar neste grid.

A equipe Bulldog Racing tem patrocínio de Luna Incorporadora. E apoio de Henz Engenharia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barba exige cuidados básicos, mas fundamentais

Stibo Systems auxilia na otimização no lançamento de produtos nas lojas da Netshoes

Nicolas Ferreira entra para história do FMX nacional ao acertar o frontflip