Brasileiro de Enduro FIM - Português é o piloto a ser batido em SC



Capixaba Bruno Crivilin, destaque do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM
Crédito: Fred Mancini/Mundo Press

Português Luís Oliveira, líder do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM
Crédito: Fred Mancini/Mundo Press


Biguaçu (SC) – A terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM para motocicletas promete grandes disputas nas trilhas de Biguaçu, em Santa Catarina. O evento vale como rodada dupla e reúne as feras da modalidade neste fim de semana (27 e 28), no Centro de Treinamento Yamaha Geração. O piloto a ser batido é o português Luís Oliveira, invicto na liderança da categoria E1 e da Enduro GP, que aponta os mais rápidos da competição. 

Com percurso de 43 quilômetros, a prova em solo catarinense traz terreno liso e três voltas no circuito por dia. O trajeto apresenta um Cross Teste de 5 km e dois Enduro Testes, de 2,5 km e de 3 km. “As expectativas são muito boas. Espero andar bem, sem cometer erros, e conseguir dar sequência ao trabalho”, disse o europeu da equipe Honda Racing, campeão brasileiro de 2014. “O objetivo maior é o título. Venci as etapas iniciais, mas isso não significa nada, porque o campeonato é longo e os pilotos estão em um bom nível.”

O capixaba Bruno Crivilin (Orange BH KTM) venceu a etapa de Biguaçu na temporada passada. “Estou bastante animado, vou acelerar com o objetivo de repetir o feito”, garantiu o jovem talento, que corre pela E2 e está em terceiro lugar na tabela da Enduro GP. “Desde quando comecei a disputar o campeonato, em 2014, o nível dos pilotos e das provas tem evoluído nitidamente. A temporada começou com grandes disputas e espero que desta vez um brasileiro fique na frente”, acrescentou. 

O grid terá a presença de outro estrangeiro, o norte-americano Ian Blythe (Orange BH KTM), atual bicampeão brasileiro (geral e classe E2). Após machucar o ombro e ficar fora da etapa anterior, ele está de volta e acelera pela E1. Líder da E3, o gaúcho Gustavo Pellin (Sacramento Racing KTM) é outro destaque nacional. “A região já tem solo escorregadio e há possibilidade de chuva, ou seja, estou preparado para andar no molhado. Além das grandes equipes e pilotos profissionais, o Brasileiro tem atraído cada vez mais competidores iniciantes, que têm uma grande importância para o esporte”, concluiu. 

Na frente – Ao lado de Oliveira na E1, Nielsen Bueno (E35 / Sacramento Racing KTM) e Willian Palandi (EAmador / Sacramento Racing KTM) são os únicos pilotos invictos em suas categorias nas classificações do Brasileiro. Os outros líderes, além de Pellin na E3, são Júlio Ferreira (E2 / Honda Racing), Vinícius Calafati (classe EJ / Sacramento Racing KTM), Tiago Wernersbach (E4 / Moto Litoral Honda), Cassiano Tebaldi (E40 / Sacramento Racing KTM), Laurindo Filho (E45) e Luiz Carlos de Barros (E50). 

O campeonato ainda realiza a disputa da classe Feminina, liderada por Bárbara Neves (Zanol Team Rinaldi ASW), cuja etapa final será realizada em setembro na região da Serra da Canastra, em Minas Gerais.

Programação* – 3ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM
Local: Centro de Treinamento Yamaha Geração, em Biguaçu (SC)

26/5 (Sexta-feira)
20h – Briefing para pilotos e equipes

27/5 (Sábado)7h30 – Início das vistorias técnicas e abertura do parque fechado
9h – Término das vistorias técnicas e fechamento do parque fechado
10h – Largada do primeiro piloto 
15h45 – Previsão de chegada do último piloto

28/5 (Domingo)8h – Largada do primeiro piloto 
16h – Previsão de chegada para o último piloto
16h30 – Cerimônia de premiação das disputas válidas pelo Campeonato Brasileiro e pelo Campeonato Catarinense.

* A programação do evento está sujeita a alterações.
O Brasileiro de Enduro FIM 2017 é patrocinado por Rinaldi e conta com o apoio de MRPRO Braces, ASW, Sacramento Motorsports, Orange BH, Zanol Parts e Edgers.

Fonte: Mundo Press Jornalismo Estratégico
www.mundopress.com.br 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barba exige cuidados básicos, mas fundamentais

Atletas da delegação olímpica brasileira são recebidos no Palácio do Planalto

FPT Industrial chega a marca de 30.000 motores GNV vendidos no mundo