Rally dos Sertões - Lucas Barroso e Breno Rezende chegam à liderança dos UTVs

INSCREVA-SE NO MEU CANAL NO YOUTUBE
CAMINHAR E PENSAR É SÓ COMEÇAR



Bruno Varela/João Arena a bordo do UTV Can-Am Maverick X3 no Rally dos Sertões 2017 
Crédito: Vinícius Branca/DFotos

Lucas Barroso/Breno Rezende a bordo do UTV Can-Am Maverick X3 no Rally dos Sertões 2017 
Crédito: Victor Eleutério/DFotos


Aruanã (GO) – O piloto Lucas Barroso e o navegador Breno Rezende conquistaram a liderança entre os UTVs do Rally dos Sertões nesta terça-feira (22), após três dias de desafios. A dupla dita ritmo a bordo do Can-Am Maverick X3, veículo que representa a escolha dos 13 primeiros colocados na briga pelo título da categoria, de acordo com os resultados extra-oficiais. Nesta quarta-feira (23), a caravana do maior rally do país parte de Aruanã (GO) para Barra do Garças (MT). A quarta etapa terá 471 quilômetros de percurso, sendo 273km de trechos cronometrados (especiais).

A Can-Am é a atual tetracampeã dos UTVs no Rally dos Sertões com os veículos da família Maverick. Nesta edição de 25 anos do evento, as máquinas voltaram a mostrar força e resistência na etapa Maratona, que não permitiu qualquer auxílio mecânico externo nos últimos dois dias de prova. A terceira etapa largou de Santa Terezinha de Goiás (GO) e incluiu 306 quilômetros de percurso – 297 deles de especiais.

“Se tivesse mais um dia de Maratona, o Maverick X3 aguentava”, garantiu o cearense Barroso. “Estou muito feliz por termos assumido a liderança dos UTVs. Espero que a gente continue com esse ritmo até o final, sempre acelerando com consciência para chegar da melhor forma, já que ainda tem muito rally pela frente”, continuou o piloto.

Ele destacou o trabalho do mineiro Rezende, que é o navegador atual campeão dos UTVs no Sertões. “A prova está ótima, com muitos saltos, pedras e exigência na navegação. Tenho bastante confiança no Breno e a nossa comunicação está muito boa”, finalizou Barroso. O Rally dos Sertões também inclui categorias para quadriciclos, motocicletas e carros. A chegada está marcada para o dia 26 de agosto em Bonito (MS).

Resultados (extra-oficiais) - 25º Rally dos Sertões
UTVs – 3ª Etapa

1° - Henrique Gutierrez/Andre Lucas Munhoz - 3:33:12.11
2° - Lucas Barroso/Breno Rezende - 3:34:27.99 - Can-Am Maverick X3
3° - Bruno Varela/João Arena - 3:35:36.96 - Can-Am Maverick X3
4° - Ismar Júnior/André Galvão de Sá - 3:36:44.84 - Can-Am Maverick X3
5° - Vinícius Rosa/Gustavo Rosa - 3:37:05.65 - Can-Am Maverick X3
6° - Deninho Casarini/Luis Felipe Eckel - 3:37:11.96 - Can-Am Maverick X3
7° - Marcelo Gastaldi/Claudio Silveira - 3:39:40.80 - Can-Am Maverick X3
8° - Euclides Júnior/Marcos Panstein - 3:41:08.66 - Can-Am Maverick X3
9° - Edu Piano/Solon Mendes - 3:44:49.16 - Can-Am Maverick X3
10° - Zeca Sawaya/Marcelo Haseyama - 3:45:55.93 - Can-Am Maverick X3
UTVs – Acumulado após três etapas1° - Lucas Barroso/Breno Rezende - 12:49:03.55 - Can-Am Maverick X32° - Bruno Varela/João Arena - 12:55:17.57 - Can-Am Maverick X33° - Marcelo Gastaldi/Claudio Silveira - 13:10:01.34 - Can-Am Maverick X34° - Edu Piano/Solon Mendes - 13:10:47.68 - Can-Am Maverick X35° - Zeca Sawaya/Marcelo Haseyama - 13:19:49.92 - Can-Am Maverick X36° - Ismar Júnior/André Galvão de Sá - 13:24:05.64 - Can-Am Maverick X37° - Enrico Almeida/Fábio Pedroso - 13:32:24.43 - Can-Am Maverick X38° - Euclides Junior/Marcos Panstein - 13:39:10.29 - Can-Am Maverick X39° - Gabriel Cestari/Edgar Fabre - 13:43:35.95 - Can-Am Maverick X310° - Daniel Mahseredjian/Sano Chermont - 14:09:53.17 - Can-Am Maverick X311° - Rodrigo Betti/Daniel Crema - 14:13:59.79 - Can-Am Maverick X312° - Luiz Rodrigues/Fernando Filho - 14:19:46.38 - Can-Am Maverick X313° - Cristiano Batista/Robledo Nicoletti - 14:33:23.56 - Can-Am Maverick X3
Programação* – 25º Rally dos Sertões4ª Etapa – 23/8 (Quarta-feira)Aruanã (GO) – Barra do Garças (MT)DI (Deslocamento inicial) – 102,4 km
TE (Trecho especial cronometrado) – 273,20 km
DF (Deslocamento final) – 95,68 km
Total do dia: 471,28 km

5ª Etapa – 24/8 (Quinta-feira)Barra do Garças (MT) – Coxim (MS)DI – 13,85 km
TE – 438,86 km
DF – 213,30 km
Total do dia: 666,01 km

6ª Etapa – 25/8 (Sexta-feira)Coxim (MS) – Aquidauana (MS)DI – 59,82 km
TE – 194,91 km
DF – 174,72 km
Total do dia: 429,45 km

7ª Etapa – 26/8 (sábado)Aquidauana (MS) – Bonito (MS)DI – 128,62 km
TE – 240,45 km
DF – 51,71 km
Total do dia: 420,78 km

Total da prova: 3.300,06 kmTotal de trechos cronometrados (especiais): 1.999,52 km
* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.
Sobre a BRP - A BRP (TSX: DOO) é líder global no design, desenvolvimento, fabricação, distribuição e marketing de veículos powersports e sistemas de propulsão. Seu portfólio inclui os veículos para neve Ski-Doo e Lynx, as motos aquáticas Sea-Doo, os veículos off-road e roadsters Spyder da Can-Am e os sistemas de propulsão marítima Evinrude e Rotax, bem como os motores Rotax para karts, motocicletas e aeronaves recreativas. A BRP dá suporte a sua linha de produtos com peças, acessórios e vestuário. Com renda anual de CA$ 4,2 bilhões em mais de 100 países, a empresa conta com aproximadamente 8.700 colaboradores em todo o mundo.

www.brp.com
@BRPNews

Mundo Press Jornalismo Estratégico

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barba exige cuidados básicos, mas fundamentais

Stibo Systems auxilia na otimização no lançamento de produtos nas lojas da Netshoes

Festival Churrasco Curitiba será realizado em agosto