Rally dos Sertões: competidores estão em Goiânia




A dupla Renato Martins e Enedir da Silva Júnior já estão no QG do evento 
(Divulgação)

Faltam apenas dois dias para a grande largada do Rally dos Sertões. Pilotos, navegadores e equipes de apoio já estão devidamente instalados no Autódromo Internacional de Goiânia
Alta  | Web
A cidade de Goiânia (GO) já está no clima do Rally dos Sertões (Divulgação)
A cidade de Goiânia (GO) já está no clima do Rally dos Sertões
(Divulgação)
Alta  | Web
No sábado, 19, o certame começará com o prólogo na Cidade Alpha de 6 quilômetros (Sanderson Pereira/Photo-S Imagens)
No sábado, 19, o certame começará com o prólogo na Cidade Alpha de 6 quilômetros
(Sanderson Pereira/Photo-S Imagens)


A cidade de Goiânia (GO) já está no clima do Rally dos Sertões – que neste ano terá a sua edição histórica de 25 anos. No sábado, 19, a disputa começará com o prólogo – tomada de tempo que definirá a ordem de largada para a primeira etapa do rali. Um percurso de aproximadamente 6 quilômetros foi preparado na Cidade Alpha e, ao que tudo indica, trará as mesmas dificuldades de uma especial: curvas, trechos estreitos, elevação de terreno, pedras e muita velocidade.
A dupla da equipe Sacode Poeira, Renato Martins e Enedir da Silva Júnior, chegou a capital goiana na tarde de ontem, 16, e na bagagem trouxe muitas expectativas. “Participar do Rally dos Sertões é a realização de um sonho. Quem é do mundo off-road sabe o que isso significa”, enfatizou o piloto Martins, que estreará no certame. “Alinharemos a nossa Mitsubishi Pajero Full no grid do maior rali do Brasil, juntamente com grandes nomes do automobilismo off-road. Circular por entre as equipes, com o crachá de competidor é indescritível, porém, nosso objetivo também é completar o roteiro. São sete dias, onde precisaremos preservar o veículo e manter um ritmo que seja competitivo. Uma missão difícil, que exigirá inteligência e garra”, contou.
Dos 3.300 quilômetros de percurso, 1.999 quilômetros de trechos cronometrados – 61% da rota. A cidade de Bonito (MS) é o local da chegada, mas antes, os pernoites serão feitos em Goianésia (GO), Santa Terezinha de Goiás (GO), Aruanã (GO), Barra dos Garças (MT), Coxim (MS) e Aquidauana (MS).
O 25º Rally dos Sertões conta com 248 veículos – entre motos, quadriciclos, UTVs e carros. Neste momento, os participantes cumprem com as obrigações burocráticas que o demandam no evento (vistorias técnicas e administrativas), bem como cuidar dos últimos detalhes que cercam a preparação mecânica dos equipamentos. Na sexta-feira, 18, a programação do Rally dos Sertões será intensa, com briefing dos off-roaders para todas as categorias e festa de lançamento.
“Lutaremos por um bom resultado na categoria Máster, da modalidade rali de regularidade, que exigirá um elevado nível de concentração e equilíbrio emocional. Ficaremos horas e horas consecutivas dentro do carro, acelerando e freando, mantendo as médias de velocidade indicadas na planilha de prova, encarando obstáculos naturais de alto teor técnico... Mas, com a dose de adrenalina que teremos diariamente embutida pelos desafios do trajeto, tenho certeza de que será um rali extremamente emocionante”, encerrou o navegador Silva.
Programação – 25º Rally dos Sertões
1ª Etapa – 20 de agosto (domingo)
Goiânia (GO) – Goianésia (GO)
DI (Deslocamento inicial) – 221,87 km
TE (Trecho especial cronometrado) – 306,82 km
DF (Deslocamento final) – 151,79 km
Total do dia: 680,48 km
2ª Etapa – 21 de agosto (segunda-feira)
Goianésia (GO) – Santa Terezinha de Goiás (GO)

(Etapa Maratona – pilotos não podem contar com a ajuda de mecânicos e equipes)
DI – 78 km
TE – 248 km
DF – 0 km
Total do dia: 326 km
3ª Etapa – 22 de agosto (terça-feira)
Santa Terezinha de Goiás (GO) – Aruanã (GO)

DI – 0 km
TE – 297,06km
DF – 9 km
Total do dia: 306,06 km
4ª Etapa – 23 de agosto (quarta-feira)
Aruanã (GO) – Barra do Garças (MT)

DI – 102,4 km
TE – 273,20 km
DF – 95,68 km
Total do dia: 471,28 km
5ª Etapa – 24 de agosto (quinta-feira)
Barra do Garças (MT) – Coxim (MS)

DI – 13,85 km
TE – 438,86 km
DF – 213,30 km
Total do dia: 666,01 km
6ª Etapa – 25 de agosto (sexta-feira)
Coxim (MS) – Aquidauana (MS)
DI – 59,82 km
TE – 194,91 km
DF – 174,72 km
Total do dia: 429,45 km
7ª Etapa – 26 de agosto (sábado)
Aquidauana (MS) – Bonito (MS)
DI – 128,62 km
TE – 240,45 km
DF – 51,71 km
Total do dia: 420,78 km
Total da prova: 3.300,06 km
Total de trechos especiais cronometrados: 1.999,52 km
A equipe Sacode a Poeira tem apoio de SP Imports, RH Brasil – Recursos Humanos, SFI Chips, M & C Engenharia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barba exige cuidados básicos, mas fundamentais

Stibo Systems auxilia na otimização no lançamento de produtos nas lojas da Netshoes

Festival Churrasco Curitiba será realizado em agosto