Rally dos Sertões: competidores estão em Goiânia




A dupla Renato Martins e Enedir da Silva Júnior já estão no QG do evento 
(Divulgação)

Faltam apenas dois dias para a grande largada do Rally dos Sertões. Pilotos, navegadores e equipes de apoio já estão devidamente instalados no Autódromo Internacional de Goiânia
Alta  | Web
A cidade de Goiânia (GO) já está no clima do Rally dos Sertões (Divulgação)
A cidade de Goiânia (GO) já está no clima do Rally dos Sertões
(Divulgação)
Alta  | Web
No sábado, 19, o certame começará com o prólogo na Cidade Alpha de 6 quilômetros (Sanderson Pereira/Photo-S Imagens)
No sábado, 19, o certame começará com o prólogo na Cidade Alpha de 6 quilômetros
(Sanderson Pereira/Photo-S Imagens)


A cidade de Goiânia (GO) já está no clima do Rally dos Sertões – que neste ano terá a sua edição histórica de 25 anos. No sábado, 19, a disputa começará com o prólogo – tomada de tempo que definirá a ordem de largada para a primeira etapa do rali. Um percurso de aproximadamente 6 quilômetros foi preparado na Cidade Alpha e, ao que tudo indica, trará as mesmas dificuldades de uma especial: curvas, trechos estreitos, elevação de terreno, pedras e muita velocidade.
A dupla da equipe Sacode Poeira, Renato Martins e Enedir da Silva Júnior, chegou a capital goiana na tarde de ontem, 16, e na bagagem trouxe muitas expectativas. “Participar do Rally dos Sertões é a realização de um sonho. Quem é do mundo off-road sabe o que isso significa”, enfatizou o piloto Martins, que estreará no certame. “Alinharemos a nossa Mitsubishi Pajero Full no grid do maior rali do Brasil, juntamente com grandes nomes do automobilismo off-road. Circular por entre as equipes, com o crachá de competidor é indescritível, porém, nosso objetivo também é completar o roteiro. São sete dias, onde precisaremos preservar o veículo e manter um ritmo que seja competitivo. Uma missão difícil, que exigirá inteligência e garra”, contou.
Dos 3.300 quilômetros de percurso, 1.999 quilômetros de trechos cronometrados – 61% da rota. A cidade de Bonito (MS) é o local da chegada, mas antes, os pernoites serão feitos em Goianésia (GO), Santa Terezinha de Goiás (GO), Aruanã (GO), Barra dos Garças (MT), Coxim (MS) e Aquidauana (MS).
O 25º Rally dos Sertões conta com 248 veículos – entre motos, quadriciclos, UTVs e carros. Neste momento, os participantes cumprem com as obrigações burocráticas que o demandam no evento (vistorias técnicas e administrativas), bem como cuidar dos últimos detalhes que cercam a preparação mecânica dos equipamentos. Na sexta-feira, 18, a programação do Rally dos Sertões será intensa, com briefing dos off-roaders para todas as categorias e festa de lançamento.
“Lutaremos por um bom resultado na categoria Máster, da modalidade rali de regularidade, que exigirá um elevado nível de concentração e equilíbrio emocional. Ficaremos horas e horas consecutivas dentro do carro, acelerando e freando, mantendo as médias de velocidade indicadas na planilha de prova, encarando obstáculos naturais de alto teor técnico... Mas, com a dose de adrenalina que teremos diariamente embutida pelos desafios do trajeto, tenho certeza de que será um rali extremamente emocionante”, encerrou o navegador Silva.
Programação – 25º Rally dos Sertões
1ª Etapa – 20 de agosto (domingo)
Goiânia (GO) – Goianésia (GO)
DI (Deslocamento inicial) – 221,87 km
TE (Trecho especial cronometrado) – 306,82 km
DF (Deslocamento final) – 151,79 km
Total do dia: 680,48 km
2ª Etapa – 21 de agosto (segunda-feira)
Goianésia (GO) – Santa Terezinha de Goiás (GO)

(Etapa Maratona – pilotos não podem contar com a ajuda de mecânicos e equipes)
DI – 78 km
TE – 248 km
DF – 0 km
Total do dia: 326 km
3ª Etapa – 22 de agosto (terça-feira)
Santa Terezinha de Goiás (GO) – Aruanã (GO)

DI – 0 km
TE – 297,06km
DF – 9 km
Total do dia: 306,06 km
4ª Etapa – 23 de agosto (quarta-feira)
Aruanã (GO) – Barra do Garças (MT)

DI – 102,4 km
TE – 273,20 km
DF – 95,68 km
Total do dia: 471,28 km
5ª Etapa – 24 de agosto (quinta-feira)
Barra do Garças (MT) – Coxim (MS)

DI – 13,85 km
TE – 438,86 km
DF – 213,30 km
Total do dia: 666,01 km
6ª Etapa – 25 de agosto (sexta-feira)
Coxim (MS) – Aquidauana (MS)
DI – 59,82 km
TE – 194,91 km
DF – 174,72 km
Total do dia: 429,45 km
7ª Etapa – 26 de agosto (sábado)
Aquidauana (MS) – Bonito (MS)
DI – 128,62 km
TE – 240,45 km
DF – 51,71 km
Total do dia: 420,78 km
Total da prova: 3.300,06 km
Total de trechos especiais cronometrados: 1.999,52 km
A equipe Sacode a Poeira tem apoio de SP Imports, RH Brasil – Recursos Humanos, SFI Chips, M & C Engenharia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Atletas da delegação olímpica brasileira são recebidos no Palácio do Planalto

FPT Industrial chega a marca de 30.000 motores GNV vendidos no mundo

Evento no Paraná debate inovação no lançamento regional do movimento 100 Open Startups