Alunos da FEI desenvolvem projetos para solucionar problemas de Transporte e Mobilidade Urbana






Entre os trabalhos de conclusão de curso estão modelo de estacionamento vertical, embarcação para regiões de difícil acesso e um veículo capaz de monitorar os buracos nas vias paulistas
Para melhorar o dia a dia nas grandes cidades, os alunos do Centro Universitário FEI produziram projetos de conclusão de curso, que trazem soluções e novas ideias para os desafios urbanos nas áreas de Transporte e Mobilidade Urbana.
Um dos projetos, o Vertical Parking, foi idealizado para minimizar a área ocupada por veículos estacionados nos grandes centros. É um estacionamento vertical, rotativo, com capacidade de 12 veículos, ocupando um espaço de aproximadamente 2,5 carros estacionados lado a lado, podendo ser usado em áreas comerciais, estacionamentos de indústrias e eventos.
Pensando em melhorar a qualidade das vias paulistas, outro grupo desenvolveu um protótipo de veículo capaz de monitorar e comunicar a posição dos buracos e imperfeições do asfalto. O HD-PI Hole Detect-PI promete reduzir o custo de operação e o tempo de reparo das vias asfálticas.
Outro projeto é o Ariranha, que consiste em um modelo de embarcação que se assemelha a balsa. O projeto foi pensado em facilitar as navegações em regiões próximas às margens de rios, que geralmente são de difícil locomoção marítima.
Saiba mais sobre os projetos:
Ariranha - Devido à dificuldade de locomoção que os veículos motores apresentam para atingir localidades remotas em regiões lacustres, ou até mesmo em rios navegáveis onde os meios de acesso são limitados, o projeto Ariranha se apresenta como uma alternativa de transporte para o deslocamento nestas águas. A partir do estudo empregado, analisa-se a viabilidade deste modelo de embarcação que se assemelha a balsa, porém o motor do veículo a ser transportado será o agente que proporcionará potência necessária para propulsão, e assim possibilitar a travessia do conjunto.
Fortress - Projeto de engenharia básica para um carro-forte de transporte de valores redefinindo seus parâmetros de segurança e ergonomia.
Kolibri – Projeto de aeronave de asas rotativas (helicóptero) rádio controlada. Os possíveis usos de tal aeronave podem incluir, mas não se limitam a, hobby e filmagens aéreas.
Vertical Parking- É um estacionamento vertical, rotativo, com capacidade de 12 veículos, ocupando um espaço de aproximadamente 2,5 carros estacionados lado a lado, podendo ser usado em áreas comerciais, estacionamentos de indústrias e eventos. Além disso, oferece montagem rápida, sem necessidade de trabalhadores operando, pois o próprio condutor irá retirar seu ticket e com um sistema de controle o estacionamento fará a correlação com a plataforma que seu carro se encontra.
HD-PI Hole Detect-PI - Criação de mecanismo de controle de grandes vias de uso público a fim de comunicar a posição dos buracos e imperfeições, reduzindo o custo de operação e tempo de reparo das mesmas. O estudo utilizou como protótipo um carro de controle remoto equipado com módulos de acelerômetro e GPS, que coletam as informações das pistas e o posicionamento instantâneo das imperfeições.
Sobre o Centro Universitário FEI
Com 77 anos de tradição, o Centro Universitário FEI é referência entre as instituições universitárias no Brasil, nas áreas de Administração, Ciência da Computação e Engenharia. A Instituição, com campus em São Bernardo do Campo e na capital paulista, já formou mais de 50 mil profissionais, entre engenheiros, administradores de empresas e profissionais da área de Ciência da Computação, muitos ocupando posições de liderança nas principais empresas do País.
Mantida pela Fundação Educacional Inaciana Pe. Sabóia de Medeiros, o Centro Universitário FEI integra a Rede Jesuíta de Educação e agrega marcas históricas de instituições de ensino de São Paulo: Faculdade de Engenharia Industrial, Escola Superior de Administração de Negócios e Faculdade de Informática.
Os cursos oferecidos são Administração, Ciência da Computação e Engenharia – habilitações em Engenharia Civil; Engenharia de Automação e Controle; Engenharia de Materiais; Engenharia de Produção; Engenharia Elétrica, com ênfase em Eletrônica, em Computadores e em Telecomunicações; Engenharia Mecânica e Engenharia Mecânica com ênfase Automobilística; Engenharia Têxtil; e Engenharia Química. Oferece ainda cursos de pós-graduação latu sensu nas áreas de Tecnologia e de Administração, entre outros; mestrado em Administração, Engenharia Elétrica, Mecânica e Química; e doutorado em Administração e Engenharia Elétrica.

Grupo CDI - Comunicação e Marketing
Beatriz Libonati
Flávia Tavares
Cláudia Santos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barba exige cuidados básicos, mas fundamentais

Atletas da delegação olímpica brasileira são recebidos no Palácio do Planalto

FPT Industrial chega a marca de 30.000 motores GNV vendidos no mundo